quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

A todos os meus leitores...


Caro leitor,

Esta é a época do ano para fazer um balanço e dar graças. Como já disse muitas vezes, eu me sinto extremamente grato de ser capaz de escrever livros que entretem tantas pessoas. Obrigado por comprá-los. Estou muito contente por você apreciá-los.

Vinte e cinco anos atrás, de repente eu me vi olhando para a oportunidade de me afastar da pouco próspera advocacia (que eu fiz, sem desligar as luzes), a fim de sentar-se sozinho por horas todos os dias e escrever histórias. Sinto-me privilegiado e abençoado nestes anos, é magnífico fazer o que eu amo muito. E ainda é muito divertido. As palavras e pensamentos estão fluindo mais rápido do que eu posso escrever.

Através de vinte e oito livros para adultos e quatro para crianças, eu tenho apreciado cada dia que escrevo em minha  máquina de escrever (ou o teclado ou o seja lá o que os escritores chamam estas coisas nestes dias). A criação, plotagem, edição, promoção, e, sim, a venda, são tão emocionantes hoje como eram 25 anos atrás.

Ao me aproximar da idade um pouco madura de 59 anos, me pego olhando para trás, mas também olho em frente. O que vou fazer aos 60, 65, 70, ou 80? Se estiver saudável, continuarei escrevendo thrillers legais, livros de esportes, livros infantis, romances em quadrinhos, contos, talvez até mesmo roteiros. Se eu aprendi uma coisa, até agora, é que eu não posso prever qual a próxima história que virá.

Mas há um monte de histórias para serem escritas. E espero você lá para lê-las e apreciá-las, e prometo continuar escrevendo.

Boas festas para você e os seus, com muita alegria e saúde neste fim de ano.


Atenciosamente, 


John Grisham