quarta-feira, 22 de junho de 2011

A Intimação: uma história com muito dinheiro em jogo


O advogado Ray Atlee não falava com seu pai há bastante tempo, por isso achou estranho quando recebeu uma convocação dele para uma reunião de família. Nesta reunião o irmão Forrest, que tinha o título de ovelha negra da família por usar drogas e não assumir responsabilidades, também estaria presente e o assunto era a administração de seus bens. Esse é o início do livro A Intimação, de John Grisham, que cria uma história misteriosa em torno de uma grande quantidade de dinheiro que aparece do nada.

O juiz Reuben, pai de Ray e Forrest, estava doente e sabia que seu fim estava próximo. Ele era um homem durão que durante quarenta anos em uma pequena cidade no Mississípi exerceu um cargo que lhe dava poder político e depois de perder a eleição passou a viver de forma mais conservadora ainda na mansão decadente da família.

O filho mais velho Ray foi o primeiro a chegar no dia marcado por seu pai, então o encontra morto no escritório com um pacote de morfina a seu lado e um testamento na escrivaninha determinando que ele fosse o inventariante na divisão dos poucos bens que restavam. Enquanto estava ali, pensando em seu pai e nas providências que deveria tomar, viu a porta de um armário aberta e, para sua surpresa, encontrou muito dinheiro escondido. Então resolve não revelar esta informação a ninguém, nem mesmo a seu irmão, até descobrir de onde veio todo este dinheiro, pois o juiz não tinha condições dessa juntar esta soma apenas com seu salário.

Só que Ray não é o único a conhecer este segredo. O advogado começa a ser chantageado e vai deixando o dinheiro escondido enquanto investiga a fonte dessa fortuna. E no final ele descobre e toda a história se torna surpreendente, só que Ray é encurralado a cada página, tornando a trama interessante.

por Fabrícia de Pelegrini - Portal Engeplus

Nenhum comentário:

Postar um comentário